CONCEITO E IMPORTÂNCIA DAS MONOGRAFIAS

Monografia

A palavra monografia deriva do grego monós (um só) e graphien (escrever), ou seja, as monografias precisam ficar limitadas a um único assunto, que deve ser estudado em minúcias.

Martins (1990, p. 18) conceitua as monografias como sendo:

Monografia - citação

De acordo com Martins e Lintz (2000, p. 21) as monografias são um documento escrito, capaz de expor a construção racional e lógica de um único assunto. Para eles, a qualidade de uma monografia está atrelada a criatividade e originalidade mostrada pelo autor.

Assim, a monografia é a exposição profunda de um problema de assunto especifico, sendo investigado cientificamente a fim de se buscar o entendimento científico sobre tal assunto.

Este tipo de pesquisa possui geralmente quatro tipos de finalidade, a saber:

Pelo exposto errôneo considerar as monografias apenas como trabalhos de conclusão de curso.

Diferentemente da tese e da dissertação, as monografias não são defendidas e sim apresentadas.

A exigência das monografias nos cursos de graduação e especialização deve ser um feito comemorável, uma vez que proporciona ao estudante a oportunidade de iniciação e/ou aprofundamento científico.

Oportuno esclarecer que todas as monografias devem conter as seguintes  divisões :

a) Preliminares

  • Capa
  • Folha de rosto
  • Folha de examinador
  • Folha dedicatória
  • Folha de agradecimentos
  • Apresentação
  • Sumário

b) Corpo do Trabalho

  • Introdução
  • Desenvolvimento
  • Conclusão

c) Parte Referencial

  • Apêndices e/ou Anexos
  • Bibliografia
  • Podendo também incluir quadros e tabelas, Índice Remissivo de Assuntos e/ou Autores.

Sendo assim, caso necessite de ajuda estamos à disposição para elaborar monografias de base para a execução de sua monografia, TCC – Trabalho de Conclusão de Curso, Dissertação, Projeto de Pesquisa ou Artigo Científico, solicite um orçamento conosco.